Dúvidas frequentes

Se precisar de mais informações você pode esclarecer aqui.

Qual o SIGNIFICADO da sigla E.R.P.?

É uma sigla em inglês (Enterprise Resource Planning) que significa “Gestão dos Recursos Empresariais”, dedicada aos softwares que controlam todas as operações de uma empresa que agregam valor ou riqueza ao negócio.

Todo SISTEMA de controle de empresa podemos chamar de ERP?

Definitivamente NÃO. Um ERP além de estender sua atuação por todos os setores da empresa, ele ainda possui características específicas como a integração total entre os módulos, obrigando que a fonte de informação seja única e se propague para todas as áreas pertinentes, deve possuir regras de validação e consistência dos dados e principalmente incorporar os conceitos e princípios universais das boas práticas de gestão, quesitos estes que não se encontram em sistemas administrativo-financeiros comuns.

Qual a DIFERENÇA entre os diversos ERP’s do mercado?

Os ERP´s se distinguem pela sua capacidade de se adaptarem aos diversos segmentos de negócio, principalmente em setores fabris e comerciais onde há ampla diversidade de regras de negócio. Diferenciam-se também pelos requisitos técnicos e pelo maior ou menor grau de facilidade tanto na implantação quanto na sua operação.

Quais as VANTAGENS entre um ERP CLOUD em relação a um ERP convencional?

Um ERP desenvolvido 100% usando tecnologia CLOUD permite a utilização ilimitada do uso da internet para sua operação, integração entre empresa, cliente e fornecedores, comércio eletrônico, além de viabilizar sua instalação usando infraestrutura de Data Center. Os sistemas convencionais denominados “client-servers” do ponto de vista técnico utilizam tecnologia obsoleta e cara para poderem viabilizar o uso da internet.

O que significa o termo “NÍVEL DE ADERÊNCIA” de um ERP para uma empresa?

O nível de aderência de um ERP é o grau de compatibilidade que o sistema possui para atender ao modelo de negócio da empresa, seja ela uma indústria química, uma loja de departamento, um distribuidor, etc. Não existe ERP “genérico” assim como não existe um remédio que cure qualquer doença.

O que é importante observar na ESCOLHA do ERP ideal para empresa?

Podemos apontar os principais fatores a serem observados na escolha como: compatibilidade com o negócio da empresa; referências das empresas que utilizam o ERP; custo e tempo de implantação; tecnologia empregada e requisitos técnicos para “operar” o sistema e por fim o suporte e manutenção pós-implantação.

Que ESTRUTURA de pessoal interno é necessária para operar um ERP?

De modo geral o ERP pressupõe que haja interação com o sistema em todas as etapas dos processos da empresa. O ideal é que o registro da informação seja realizado no momento que o fato ocorre. Porém a quantidade de pessoas necessárias para esta finalidade depende muito do volume de informações e da capacidade dos usuários executarem mais de uma operação.

Quanto tempo é necessário para IMPLANTAÇÃO de um ERP?

Um processo de implantação dura em média 90 (noventa) dias, o que equivale a 580 (quinhentos e oitenta) horas de implantação e treinamento, para que o sistema possa entrar em operação de forma efetiva. Alguns fatores favorecem este tempo que pode variar para mais ou para menos, considerando-se o tamanho da organização e os módulos contratados. Ressalte-se, ainda que seja respeitado o cronograma de treinamento e a disponibilização do pessoal por parte da empresa.

Qual a importância do TREINAMENTO e SUPORTE aos usuários de um ERP?

Um ERP se distingue de outras aplicações de software pela sua dinâmica e constante evolução. Isso se deve principalmente porque as empresas e suas atividades também são dinâmicas. Situações como mudanças tributárias, condições comerciais de mercado, mudanças no quadro de pessoal por si só já criam situações que somente com o serviço de uma boa equipe de treinamento e suporte do fornecedor do ERP podem diminuir e eliminar as interferências negativas ao bom andamento da empresa.

Como atender as exigências FISCAIS (NFe, SPED, etc.)?

Com o advento da emissão e apuração eletrônica dos documentos fiscais, tornou-se indispensável à utilização de ERP para esta finalidade, dado que é impossível atender a legislação atual utilizando serviços contábeis de terceiros. Para tanto, o ERP deve conter em sua base de informação todos os quesitos e regras fiscais para que o usuário, independentemente do seu conhecimento fiscal, possa gerar os documentos sem erros que possam penalizar a empresa.

Como atender as exigências LEGAIS (ANVISA, SIF, Polícia Federal, etc.)?

Um ERP deve atender as normas estabelecidas pelos órgãos reguladores do segmento que a empresa atua. Para isso é imprescindível que o sistema contenha os mecanismos de controle, formulários, registros e relatórios que atendam aos requisitos da legislação. Este é um dos fatores que definem a “aderências” de um ERP ao negócio.

Como atender as exigências de QUALIDADE (ISO, BPF, MPS-Br, etc.)?

Para que um ERP esteja em conformidade com as normas de qualidade é importante que o mesmo já tenha passado por processos de homologação junto a instituições certificadoras de ISO, BPF ou MPS-Br. Isso vai garantir que o sistema possui todos os módulos necessários para que a empresa possa atender as normas de qualidade.

Como saber se a empresa gera LUCRO ou PREJUÍZO na operação?

Antes de mais nada é necessário que o ERP incorpore pelo menos uma das metodologias de apuração de resultado como os sistemas de “custeio direto” ou “custeio por absorção” e possua módulos para gestão orçamentária e/ou contábil. Desta forma será possível apurar em “tempo real” todos os indicadores econômicos e financeiros da empresa, tendo em vista que todos os dados já estão sendo obtidos de forma automática pelo registro das informações.

Ao clicar em Quero fazer parte você inicia seu cadastro, informando dados básicos para gerar um contrato.

Após a assinatura do contrato, você configura as informações no portal do seu estabelecimento no Heei, para que elas apareçam no aplicativo.

Após a configuração, um de nossos atendentes irá entrar em contato com o seu estabelecimento para ajuda-lo a iniciar as operações.

Open chat